A CONTRIBUIÇÃO DO PROFESSOR DE INGLÊS NO DESENVOLVIMENTO DO SENSO CRÍTICO DOS SEUS ALUNOS

Gabrielle do Nascimento Costa, Matheus Ferreira de Jesus, Milena Santana Costa

Resumo


Nosso trabalho fundamenta-se na observação, aplicação de atividades e desenvolvimento de projetos durante as aulas de Inglês no Colégio Estadual Jackson de Figueiredo, por meio do subprojeto de Inglês do Programa Institucional de Bolsas de Iniciação à Docência da Universidade Federal de Sergipe. De acordo com a nossa vivência, analisamos como o professor de Inglês contribui para o desenvolvimento do senso crítico dos seus alunos. Temos por objetivo, então, discutir de que forma as aulas da disciplina supracitada ajudam a instigar a criticidade dos alunos. A nossa discussão baseia-se na análise de como o desenvolvimento de conversas, debates e atividades partindo da língua inglesa e relacionados aos aspectos socioculturais, étnico-raciais, políticos e econômicos podem contribuir para que os discentes tenham a chance de refletir e questionar sua forma de pensar e seu papel na sociedade. Sendo assim, as aulas de Inglês auxiliam os alunos na sua formação crítica dentro e fora da sala de aula, ajudando-os a ampliar suas formas de pensar, refletir e compreender o mundo. Concluímos que o professor de Inglês, por meio da sua disciplina, faz uso de ferramentas que parecem contribuir de forma significativa com o processo de desenvolvimento crítico dos seus alunos, visto que os debates levantados em sala de aula, bem como os projetos e as oficinas podem ser meios eficazes de ajudá-los durante o desenvolvimento de sua cidadania crítica.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.